CANUDOS PLÁSTICOS

Nestlé quer modelo mais sustentável até 2025



22.03.2019 - 12:46

No Brasil a Nestlé lançou ações de conscientização para o descarte correto de embalagens do Nescau e para diminuir a quantidade de plástico presente em seus produtos. A primeira iniciativa foi a parceria inédita com o Projeto Tamar, que atua na busca pela preservação das tartarugas-marinhas ameaçadas de extinção, com apoio financeiro e o desenvolvimento de ações e campanhas de conscientização e preservação do meio ambiente.

Em paralelo à parceria, Nescau iniciou trabalho de retirada de canudos plásticos dos seus produtos, substituindo-os por canudos de papel biodegradável. Os consumidores encontrarão packs de Nescau Prontinho com o novo canudinho. A iniciativa vai retirar mais de 4 milhões de canudos plásticos do mercado no primeiro ano do projeto. A meta é que 100% da produção de canudinhos seja substituída até 2025. A Nestlé também lançou, em fevereiro, em uma plataforma global exclusiva (@HenriNestlé), o primeiro desafio de inovação aberta para o Brasil, com o objetivo de repensar o papel dos canudos de plástico nas embalagens, sem prejudicar a experiência de consumo. O desafio envolve soluções que vão desde novos tipos de embalagens, incentivo a mudanças de comportamento do brasileiro no uso dos canudos de plástico ou até mudanças na cadeia de suprimentos. Os interessados em participar devem acessar www.henri.nestle.com e buscar Iniciativa para a substituição do canudo de plástico. As inscrições ficam abertas até 7 de abril de 2019. Serão selecionados cinco projetos que concorrerão a um prêmio único de US$ 50 mil para implantação do projeto-piloto.