CAMIL

Lucro líquido cresce 109% no 3T



11.01.2019 - 11:26

 

A Camil Alimentos registrou lucro líquido de R$ 150,3 milhões no 3º trimestre (encerrado em novembro), um crescimento de 109% em relação ao mesmo período do ano anterior. As vendas de feijão, açúcar, pescados e no internacional aumentaram 3,2%, 1,8%, 24,7% e 23,7%, respectivamente. A receita líquida do trimestre atingiu R$ 1,3 bilhão, 9,3% superior, especialmente pelo aumento anual de volume de vendas nas categorias de açúcar, feijão e suas operações internacionais em 1,8%, 25,0%, 1,1%, respectivamente.

O lucro bruto do trimestre atingiu R$ 319,9 milhões, crescimento anual de 11,9%, com margem bruta de 25,3%, enquanto o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, EBITDA, atingiu R$ 151,4 milhões, incremento de 17,5% no trimestre, com margem de 12,0%.

A Camil registrou no trimestre efeitos não recorrentes de créditos fiscais e referente a adesão ao Programa de Regularização Tributária Rural. Excluindo o reconhecimento de receitas e despesas não recorrentes, o EBITDA atingiu R$ 115,4 milhões, redução anual de 10,4%, e margem de 9,1%. Já o lucro líquido excluindo esses efeitos atingiu R$ 71,8 milhões, redução anual de 0,2%, com margem líquida de 5,7%.

No período a Camil adquiriu a SLC Alimentos que permite ao Grupo ampliar a liderança de grãos no Brasil e adicionar marcas relevantes. Com a SLC, a a Camil passa a deter um market share de 9,5% no mercado de arroz no Brasil. A transação foi concluída em dezembro de 2018 e a Companhia segue focada no processo de integração e otimização de suas operações. “A aquisição da SLC Alimentos reforça a execução da estratégia de consolidação do mercado brasileiro de grãos e nos adiciona marcas e produtos tradicionais e com reconhecimento pelos consumidores, ampliando nossa posição de liderança no mercado brasileiro de grãos”, afirma Flavio Vargas, CFO e Diretor Financeiro e de Relações com Investidores da Camil Alimentos.